61 9228-6777
Filiada à Associação Nacional de Engenharia
de Segurança do Trabalho - ANEST


Abraest é homenageada nos 53 anos do Crea-DF

Os 26 homenageados

Os 26 homenageados

Aos completar 53 anos, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Distrito Federal (Crea-DF) homenageou as entidades profissionais pelos trabalhos desenvolvidos em prol das melhorias do Conselho. uma das homenagens foi prestada à Associação Brasiliense de Engenharia de Segurança ( Abraest). O evento aconteceu na noite de quinta-feira (10/7), na sede da autarquia e contou com a presença do presidente da Abraest, o engenheiro, José Delfino Lima, que recebeu o certificado da entidade. Ainda estavam presentes o vice-governador do DF, Tadeu Filippelli, o deputado federal, Luiz Pitiman, o presidente do Confea, José Tadeu, o presidente do Crea-DF, Flavio Correia, além dos funcionários, conselheiros, representantes de entidades, ex-presidentes e outros.

“Esse certificado é um reconhecimento do trabalho desenvolvido pela entidade e um passo importante para a fortalecimento da engenharia de segurança do trabalho no Distrito Federal.” afirmou José Delfino. O presidente do Crea-DF, Flávio Correia, agradeceu aos diretores,
conselheiros, colaboradores e servidores que dedicam trabalho e apoio ao Conselho, tornando-o cada vez mais eficiente, protegendo a sociedade e facilitando o atendimento aos profissionais. “Juntos podemos tornar o Crea-DF cada vez melhor, pois nada se constrói isoladamente e sim com trabalho de equipe,” disse Flavio.

Também foi reinaugurada a galeria dos ex-presidentes do Crea-DF. Os engenheiros de segurança do trabalho tem contribuído para a organização da engenharia brasileira e muitos deles tem atuado de forma ativa em diversas entidades profissionais. Exemplo disso podemos destacar o atual presidente do Crea-DF, Flávio Correia, assim com o ex-presidente do Crea -DF e atual presidente da Associação Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho ( Anest), engenheiro Francisco Machado. Ambos, engenheiros de segurança do trabalho.

Recomende essa página:
Tweetar